1 2 3 4 5 6 7 8|Índice| Biblioteca|Assinatura|Expediente|Cartas|Não tropece na Língua
Envie sua carta: horadopovo@horadopovo.com.br | hp@webcable.com.br


Corte italiana alivia a pena dos clubes que manipulavam resultados

A Corte Federal de Justiça da Itália aliviou a pena dos clubes envolvidos em manipulação de resultados. Fiorentina e Lazio, que haviam sido rebaixados para a Série B, voltaram a ter o direito de jogar na divisão principal do Campeonato Italiano, o Cálcio. O Lazio iniciará a competição com menos 11 pontos e a equipe de Florença com 19 pontos negativos.

Já o Milan poderá disputar a Liga dos Campeões da Europa. Na primeira sentença, o time de Berlusconi havia sido excluído da competição.

Até a Juventus, de propriedade da família Agnelli (dona da Fiat), e que apresentou o rebaixamento para a segunda divisão como algo “aceitável”, foi favorecida. A Velha Senhora continua na segundona, mas começa com menos 17 pontos. Antes eram 30 pontos negativos.

O abrandamento das penas diluiu o argumento dos defensores da instalação do modelo de clube-empresa no futebol brasileiro. Membros do PSDB-PFL, principalmente, diziam que lá houve corrupção, mas a punição é rigorosa mesmo com a Azurra campeã Mundial. Antes disso, afirmavam que era necessário “profissionalismo” para acabar com a suposta roubalheira dos dirigentes do esporte no país.

 

Voltar

Paginas: 1 2  3  4  5  6  7  8