Emprego recua 0,4% na indústria 

O emprego industrial recuou 0,4% em março ante fevereiro, com ajuste sazonal, segundo números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No acumulado do primeiro trimestre, o emprego na indústria diminuiu 0,8% na comparação com o mesmo período do ano passado. Os índices são o resultado da política deliberada da equipe econômica em manter os juros reais (3,4% ao ano) bem acima da média internacional (-0,6% ao ano) e corte de orçamento, além do câmbio deformado que turbina as importações. Combinado com o alto grau de desnacionalização da economia, esse conjunto estrangula a produção e, consequentemente, o emprego industrial.

Na avaliação do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (IEDI), “um dos pontos agravantes desse cenário da indústria nacional é o que vem ocorrendo em São Paulo. O número de ocupados na indústria paulista vinha recuando a taxas expressivas de maio do ano passado até fevereiro deste ano (–0,6%, –1,2%, –1,7%, –1,4%, –2,1%, –3,3%, –3,5%, –3,1%, –3,0%, –2,9%) e, em março último, o resultado não foi diferente: –3,5% (todas as taxas calculadas com relação ao mesmo mês do ano anterior)”.

Nos três primeiros meses do ano, o emprego industrial em São Paulo recuou 3,1% ante ao mesmo intervalo de 2011.

Ainda nesse período, o emprego industrial caiu em dez dos 18 setores investigados pelo IBGE, sendo que os resultados mais expressivos em setores como madeira (–10,2%), calçados e couro (–7,0%), vestuário (–6,5%), fumo (–5,7%), produtos de metal (–5,5%), têxtil (–5,1%), borracha e plástico (–4,2%), papel e gráfica (–3,8%), metalurgia básica (–2,9%) e minerais não-metálicos (–1,1%).

“Não está claro qual será o comportamento tanto da produção industrial quanto dos ocupados na indústria neste segundo trimestre. É mais provável que, no período abril-junho, ambos não apresentem resultados favoráveis que possam sinalizar uma inequívoca recuperação. Tudo indica que uma possível recuperação só virá no segundo semestre do ano”, diz o IEDI.

Conforme o IBGE, “em março de 2012, o número de horas pagas aos trabalhadores da indústria, já descontadas as influências sazonais, recuou 1,2% frente ao mês imediatamente anterior, praticamente eliminando a expansão de 1,3% assinalada em fevereiro último”.

No acumulado do primeiro trimestre deste ano, houve recuo de 1,2% no número de horas pagas, com onze dos 18 setores pesquisados apontando resultados negativos.


Capa
Página 2

Produção industrial de SP tem terceira queda trimestral: -6,2%

Emprego recua 0,4% na indústria

Aquisição da Delta pela J&F não teve o aval do governo, afirma Presidenta Dilma em nota

Casino da França dispensa Abílio Diniz e assume controle do grupo Pão de Açúcar

Falece Neiva Moreira, líder histórico do PDT e da Pátria

Eike anuncia venda de ações da EBX a grupos estrangeiros

Expediente


 

Página 3

Procurador conhecia crimes de Demóstenes desde 2009

Delegado confirma na CPI relação de Policarpo e Cachoeira

Quadrilha armou minha saída, diz ex-ministro do Transporte

Dilma: saída dos países ricos para crise está sendo questionada politicamente

PF contesta pedido de arquivamento da Operação Vegas

Para Humberto Costa, foco é a relação promíscua da Veja

Responsável pela operação Monte Carlo confirma na CPI denúncias contra Perillo

Lula cita Roosevelt ao receber “Prêmio Quatro Liberdades” 

Justiça condena Veja a dar direito de resposta a Nassif

 

 

Página 4

Lei das “duas portas” é tentativa tucana de destruir o SUS em SP

Lideranças paulistas apoiam Ministério Público em proibição das “duas portas” nos hospitais

Tarso Genro defende articulação nacional pela renegociação da dívida dos estados com a União

13 de maio: CNAB e Câmara de São Paulo prestam homenagem aos líderes Zumbi e Luiz Gama

CARTAS

Página 5

 

 

Página 6

Centenas de milhares na Espanha contra o arrocho e o desemprego

Indignados se manifestam de Londres a Frankfurt

Greve de servidores e ato de policiais repudiam cortes de David Cameron

Federação de Sindicatos da Síria denuncia atentado de terroristas pagos pelos EUA

Bando mercenário assume atentado que assassinou 55 civis em Damasco
 

Página 7 Página 8

“A Causa Secreta” - um conto de terror de Machado de Assis (1)