“Fora Dilma e Temer! Eleições Gerais Já”, defende a CGTB 

A diretoria executiva nacional da Central Geral dos Trabalhadores de Brasil (CGTB) aprovou um Manifesto pedindo “Eleições Gerais, Já”. A entidade aponta que a “política econômica aplicada por este governo está destruindo nossa Pátria” e resultou na “maior crise econômica, política e moral de toda a sua história”.

A CGTB ressalta que “são 9,6 milhões de pais e mães de famílias jogadas no desemprego. O PIB despencou 3,8%. As taxas de juros de 14,25% são as maiores do mundo. Em 2015, se transferiu do setor público para o setor financeiro, através de juros, R$ 502 bilhões. Em 2014, foram R$311 bilhões”.

E enquanto o desemprego sobe e o PIB afunda, a entidade lembra que “em 2015, os três maiores bancos privados (Itaú, Bradesco e Santander) viram seus lucros aumentarem em 26%”. Ou seja, o governo transfere tudo aos bancos e ainda “fez, às escondidas, um acordo com o PSDB do Serra, através do  PLS 131/2015 que tira a Petrobrás como operadora única do PRÉ-SAL, traindo milhões de  brasileiros que depositaram a confiança nela nas últimas eleições”.

Além do estelionato eleitoral, alerta a entidade, o governo, “envolvido até o pescoço no maior escândalo de todos os tempos, tenta salvar a própria pele e de seus lideres inventando a história de golpe. A justiça não há de faltar para os assaltantes da Nação. A operação LAVA JATO está fazendo o seu papel. Com essas ações deletérias fez surgir do túmulo os PSDB e DEM da vida, que agora se unem ao PMDB de Temer para concluírem sua obra: acabarem de destruir o Brasil”.

A CGTB denuncia que a presidente Dilma ganhou as eleições dizendo que seus adversários “iriam fazer o que ela está fazendo hoje, entregando o Brasil para os especuladores e para os monopólios. E agora que a vaca está indo pro brejo vem dizer que está sofrendo um golpe de direita. Um golpe sim foi dado na população brasileira”.

A entidade finaliza defendendo que “não há como o país se desenvolver dessa maneira. É preciso limpar a área para seguirmos um outro caminho. O caminho do desenvolvimento, de salários dignos, de empregos para todos e da soberania nacional”.

“Por isso exigimos: Fora Dilma, Fora Temer e Eleições Gerais Já!!”.


Capa
Página 2
  Página 3

Ladrões se queixam que o juiz Sérgio Moro não deixa roubar

Para Janot, Lula não deve ter foro especial

Marina: melhor saída para a crise é impugnar Dilma e Temer

STF decide reabrir ações contra Serra, Malan e Parente

“Ponte para o Futuro” deveria se chamar “Ponte para o Inferno”, recomenda Requião

Ex-vereador citado na planilha da Odebrecht deixou PPL-RS desde as eleições, rebate Werner Rempel

Publicitária confessa que campanha de Dilma recebeu R$ 6,1 milhões ilícitos

Página 4 Página 5

Servidores: governo tenta impor PL para pilhar salário e demitir

Funcionários públicos do Rio voltam às ruas para exigir pagamento dos salários

Rio Grande do Sul anuncia que funcionalismo terá vencimento de março parcelado até o final de abril

Professores de SP rejeitam proposta de Alckmin que suspende bônus e reajusta salários em 2,5%

Desemprego na Grande SP sobe de 14% para 14,7% em um mês

“Fora Dilma e Temer! Eleições Gerais Já”, defende a CGTB

ESPORTES

Página 6

Fidel: “Não necessitamos que o império nos dê nada de presente”

Desemprego na França aumenta 2,5% em fevereiro em relação a igual período de 2015

Bomba de apoiadores do EI causa mais de 70 mortes no Paquistão

Rússia: “conversações em Genebra devem prosseguir com base na soberania e integridade da Síria”

Israel desiste de indicar chefe de assalto a terras palestinas para sua embaixada no Brasil

 

Página 7

Bernie vence primárias do Pacífico com uma média de 75% dos votos

Argentinos tomam as ruas contra Obama nos 40 anos do golpe promovido pelos EUA

Chanceler do Irã: responderemos às retaliações dos EUA fortalecendo nossa defesa com mísseis

Papa: “o pior do corrupto é que ele acha que não precisa pedir perdão”

Lava Jato diz que tesoureiro da campanha de Dilma usou “taxi de confiança” para pegar propina


 

Página 8

História da Petrobrás - (7)