Herói grego condena a
submissão do governo à Troika, “traição ao povo”

O governo de Alexis Tsipras, “que chegou ao poder graças à ajuda de todas as pessoas de esquerda, que defendemos a independência, a soberania, a liberdade, hoje traiu essas ideias porque aceita, primeiro, a obediência, e segundo, os resgates. Os empréstimos da troika não trazem resultados. Desde a antiguidade até hoje, assim está escrito, esses empréstimos convertem os seres humanos em escravos. A ideia que defendemos foi que a Syriza - Coalizão de Esquerda Radical - disputasse as eleições e que trouxesse o povo ao poder. O fizemos. Porém hoje a atual direção rejeita esse povo, e o trai em essência", afirmou Manolis Glezos, herói da Grécia. Ele se tornou legendário quando, no dia 30 de maio de 1941, em plena ocupação alemã, junto com seu camarada, Santas Apostolos, arrancou a bandeira nazista colocada, naquela época, no alto da Acrópole. Foi sentenciado à morte por rebeldia, preso em 1942, submetido a torturas, conseguiu fugir e foi encarcerado de novo um par de vezes mais até sua fuga definitiva em 1944.

"Todos os que hoje votam as medidas antipopulares, não posso dizer que sejam de esquerda. Não é de esquerda aquele que submete o país às instituições estrangeiras, não é de esquerda aquele que recorre a setores que estão à serviço do capital financeiro, dos bancos, do imperialismo. A um resgate da troika (Fundo Monetário Internacional, FMI; Banco Central Europeu (BCE); Comissão Europeia (CE)) para 'salvar' o povo, não o é", observou.

 


Capa
Página 2
Página 3

Pezão e Picciani continuam a obra de Sérgio Cabral no Rio

Indicado de Temer para o STF se prepara no “barco do amor” para sabatina no Senado

Conluio marcou nomeação de Moreira Franco

Ciro critica a “estúpida política monetária” da taxa de juro nas alturas

Temer diz que vai manter ministro corrupto no governo. Só demitirá quando não tiver mais jeito mesmo

Política de Hartung, Meirelles e Temer destrói o ES e o país

Página 4 Página 5

Protesto ocupa Senado contra PEC do assalto à Previdência

Para deputado Arnaldo Faria de Sá, prever o corte de pensões é “discriminação odiosa”

PEC quer tirar direitos do povo para dar dinheiro aos bancos, diz presidente da Confederação das Mulheres do Brasil

Confederação dos Metalúrgicos aciona STF contra PEC 287: “Suprime direitos fundamentais”, diz Miguel Torres

Relator da ação pela cassação da chapa Dilma-Temer nega pedidos com o objetivo de retardar o processo

Para impor seu ajuste a qualquer custo, governo quer barrar ação de servidores com lei anti-greve

CARTAS

 

 

Página 6

Tratoraço toma as ruas de Atenas contra ataque à previdência rural

Herói grego condena a submissão do governo à Troika, “traição ao povo”

Alexis Tsipras vai ao encontro de chefe da junta fascista na Ucrânia

Multidão exige a renúncia de governo que investiu contra a Lava-Jato da Romênia

Líder dos professores argentinos é ameaçado de morte

Odebrecht, quantas mãos molhaste?

Publicidade

Página 7


CIA premia príncipe cúmplice saudita por ‘combate ao terror’

Senado aprova despejador em massa Mnuchin como secretário do Tesouro

Indulto “fake” de Obama impede Porto Rico de recepcionar independentista López Rivera

Oleduto da empresa Enbridge do consórcio  Dakota Access vaza 14 mil barris no Texas

Oliver Stone: “A mídia chapa branca fracassou”


RPDC reforça dissuasão com míssil a combustível sólido



 

Página 8

Fies: grande negócio para os tubarões do ensino, pesadelo para estudantes