Oleduto da empresa Enbridge do consórcio Dakota Access vaza 14 mil barris no Texas

 

Seiscentos mil galões de óleo (14.285 barris) vazaram do oleoduto Seaway, duto sob propriedade da empresa Enbridge, que também compõe o consórcio responsável pelo oleoduto Dakota Access, que cruzará, pelo subterrâneo, centenas de rios e lagos responsáveis pelo abastecimento de milhões de nortes-americanos nos estados de Dakota do Norte, Dakota do Sul, Iowa e Illinois.

Este foi o segundo vazamento desde que o sistema de dutos conhecidos como Keystone XL, do qual o Seaway faz parte, entraram em operação em meados de 2016. O oleoduto Keystone XL transporta 400 mil barris diários de areias betuminosas entre a província de Alberta, no Canadá, até o golfo do México. As areias betuminosas são conhecidas como os combustíveis fósseis mais sujos do mundo.

O frentista Brittany Clayton, que trabalha em um posto de gasolina próximo a cidade de Bue Ridge, no Texas, onde ocorreu o vazamento, relatou:“Era possível sentir de longe o cheiro horrível de óleo. De repente um cliente se aproximou e disse: ‘ninguém fuma’, enquanto vomitava. Foi um vazamento enorme. Era como uma nuvem gigante. O marechal de incêndio nos disse: ‘Aqui é uma zona de perigo. Vocês precisam evacuar a área imediatamente’. Eu fiquei totalmente assustado e avisei o meu chefe”.

O oleoduto Dakota Access é um projeto de 1.770 quilômetros de extensão, avaliado em 3,8 bilhões de dólares, que pretende transportar o petróleo obtido mediante fraturação hidráulica das jazidas de Bakken, em Dakota do Norte, projeto que mobilizou tanto os índios da Reserva Indígena Standing Rock, quanto ativistas e personalidades de todo os EUA contra o projeto.

Conforme alertam os sioux, uma simples ruptura do oleoduto - que deverá transportar 470 mil barris diários de óleo - poderia envenenar centenas de rios, como o rio Missouri, o lago Oahe, ou o rio Mississippi, comprometendo o abastecimento de água potável a 17 milhões de pessoas.

 

Capa
Página 2
Página 3

Pezão e Picciani continuam a obra de Sérgio Cabral no Rio

Indicado de Temer para o STF se prepara no “barco do amor” para sabatina no Senado

Conluio marcou nomeação de Moreira Franco

Ciro critica a “estúpida política monetária” da taxa de juro nas alturas

Temer diz que vai manter ministro corrupto no governo. Só demitirá quando não tiver mais jeito mesmo

Política de Hartung, Meirelles e Temer destrói o ES e o país

Página 4 Página 5

Protesto ocupa Senado contra PEC do assalto à Previdência

Para deputado Arnaldo Faria de Sá, prever o corte de pensões é “discriminação odiosa”

PEC quer tirar direitos do povo para dar dinheiro aos bancos, diz presidente da Confederação das Mulheres do Brasil

Confederação dos Metalúrgicos aciona STF contra PEC 287: “Suprime direitos fundamentais”, diz Miguel Torres

Relator da ação pela cassação da chapa Dilma-Temer nega pedidos com o objetivo de retardar o processo

Para impor seu ajuste a qualquer custo, governo quer barrar ação de servidores com lei anti-greve

CARTAS

 

 

Página 6

Tratoraço toma as ruas de Atenas contra ataque à previdência rural

Herói grego condena a submissão do governo à Troika, “traição ao povo”

Alexis Tsipras vai ao encontro de chefe da junta fascista na Ucrânia

Multidão exige a renúncia de governo que investiu contra a Lava-Jato da Romênia

Líder dos professores argentinos é ameaçado de morte

Odebrecht, quantas mãos molhaste?

Publicidade

Página 7


CIA premia príncipe cúmplice saudita por ‘combate ao terror’

Senado aprova despejador em massa Mnuchin como secretário do Tesouro

Indulto “fake” de Obama impede Porto Rico de recepcionar independentista López Rivera

Oleduto da empresa Enbridge do consórcio  Dakota Access vaza 14 mil barris no Texas

Oliver Stone: “A mídia chapa branca fracassou”


RPDC reforça dissuasão com míssil a combustível sólido



 

Página 8

Fies: grande negócio para os tubarões do ensino, pesadelo para estudantes